Tuesday, 7 October 2008

Prémio (pouco) Nobel

Numa altura em que fico com a respiração suspensa sempre que ouço as notícias, em que todos os países de repente "se lembram" de entrar em colapso; mesmo países ditos estáveis, ou pelo menos, para economico-excluídas como eu (refiro-me à Islândia que pelos vistos tinha o povo sobre endividado)
Não me justificarei sobre a minha negativa em abordar a situação económica mundial. Sou apanhada de surpresa apenas porque sou incauta ou desinformada.


Mas porque acredito que pode ainda haver razões para sorrir, aqui vos deixo uma descoberta minha (via Antena 3) de uma cerimónia simpática e sorridente.

Chamam-se "Prémio Ig Nobil" e premeia as pesquisas que farão primeiro as pessoas rir e depois pensar.

Vejam e refresquem-se. Aqui deixo alguns dos prémios deste ano:

NUTRITION PRIZE. Massimiliano Zampini of the University of Trento, Italy and Charles Spence of Oxford University, UK, for electronically modifying the sound of a potato chip to make the person chewing the chip believe it to be crisper and fresher than it really is.

ARCHAEOLOGY PRIZE. Astolfo G. Mello Araujo and José Carlos Marcelino of Universidade de São Paulo, Brazil, for measuring how the course of history, or at least the contents of an archaeological dig site, can be scrambled by the actions of a live armadillo.

BIOLOGY PRIZE. Marie-Christine Cadiergues, Christel Joubert, and Michel Franc of Ecole Nationale Veterinaire de Toulouse, France for discovering that the fleas that live on a dog can jump higher than the fleas that live on a cat.

MEDICINE PRIZE. Dan Ariely of Duke University (USA), Rebecca L. Waber of MIT (USA), Baba Shiv of Stanford University (USA), and Ziv Carmon of INSEAD (Singapore) for demonstrating that high-priced fake medicine is more effective than low-priced fake medicine..

ECONOMICS PRIZE. Geoffrey Miller, Joshua Tybur and Brent Jordan of the University of New Mexico, USA, for discovering that a professional lap dancer's ovulatory cycle affects her tip earnings.

CHEMISTRY PRIZE. Sharee A. Umpierre of the University of Puerto Rico, Joseph A. Hill of The Fertility Centers of New England (USA), Deborah J. Anderson of Boston University School of Medicine and Harvard Medical School (USA), for discovering that Coca-Cola is an effective spermicide, and to Chuang-Ye Hong of Taipei Medical University (Taiwan), C.C. Shieh, P. Wu, and B.N. Chiang (all of Taiwan) for discovering that it is not.

Have a nive day

4 comments:

Once said...

ouvi hoje na rubrica "Cienistas loucos" da minha rádio (reparaste no pronome? ;) e ri-me a valer .. se bem que aquela do ovulatoy cycle deixou-me a pensar ;)

Beijinho

Nocas Verde said...

pronome muito bem colocado. Tal como o verbo e o substantivo :) :)

Gostei da Coca-cola como contraceptivo e depois não... lol

Luísa said...

Acho-os todos «de morte», Nocas. Não sei, francamente qual das investigações é mais merecedora. Mas a do Biology Prize, sobre as pulgas saltitonas, parece-me talvez a mais trabalhosa e não totalmente desprovida de utilidade para a nossa espécie. :-)

Nocas Verde said...

(riso)
É difícil escolher, Luísa...
:)