Tuesday, 24 November 2009

2007 - babaalert

Poema dos povos antigos

Os romanos eram loucos
E os gregos muito espertos
Os lusitanos valentes
Já sem contar com os iberos

Os celtas eram linguistas
Extremamente pacientes
Tantos povos cá passaram
Que até ficamos doentes

Estiveram cá visigodos
Que eram altos e louros
Até que chegaram os mouros

Passaram ainda os alanos
Mas quem mais marcas deixou
Foi a tribo dos romanos

_________________________________
feito pela CV em 2007

6 comments:

clone said...

Belo poema

nocas verde said...

Clone, que bom teres voltado...
é da minha CV. Havias de gostar dele.
kiss :)

drengo said...

(e não se arranja a etiqueta "babalert" para meter também aqui? ;)

uma boa semana, tudo de bom para si e para os seus :)

Luísa said...

Temos poeta, Nocas! Adoro esses poeminhas que se escrevem na infância: são tão musicais e tão fáceis de entender! ;-D

nocas verde said...

Dear Sire,
toda a razão, sim! babalaert no título, na etiqueta, nas letras e nos textos... sempre!
tudo de bom por aí também!

nocas verde said...

Luísa,
Este meu poeta, confesso com muito babalaert, tem crescido sem perder esta musicalidade... torna-se, dia para dia, mais cáustico - como ele gosta de dizer - mas muito musical.

Aprecia muito brincar com as palavras, com os significados e com os sentidos dúbios... mas não me tem dado autorização para os "publicar".
beijinho :)