Monday, 7 January 2008

Anúncios...

É verdade!

A certa altura vi a minha carteira, já de si cheia de chuchas, bionicles, brindes do McDonalds, e isto e aquilo... também de talões de desconto, cartões-brinde, e isto e mais aquilo.

Recebia os panfletos e comparava os preços e, porque o pilim era muito pró curto, ía aqui comprar isto e ali comprar aquilo.

Era muito cansativo, mas era obrigatório. Depois, com a estabilização do Fundo Monetário Doméstico comecei a ir a um só sítio e comparar os melhores preços. Podia aproveitar as promoções de tamanho e isso.

Mas relaciono-me muito bem com o certo anúncio que diz estar farto de cartões e cartõezinhos e talões e isto. É verdade (ainda que não concorde que o estabelecimento a que se refere seja o mais barato do mercado).

Posto isto...

Porquê, meus senhores, começar o anúncio com
Basta
Pum


O que é o PUM????? Para que serve???? é onomatopeia do p#$%o? não pode ser...

alguém me explique o pum!!! é que me arrepia as unhas

a sério

bom dia!

1 comment:

Aorta said...

PUM? É um fechar de porta. Fechar a porta à publicidade barata com que somos confrontados e que nos obriga a gastar mais dinheiro.